Curso: Bibliometria e Indicadores Científicos na UFSCar – BIC-7

O curso Bibliometria e Indicadores Científicos (BIC) será totalmente a distância (EaD) e composto por vídeo-aulas, tutoriais e textos de apoio com professores da UFSCar e ocorrerá no período de 06 de agosto a 04 de novembro de 2018.

Total: 120 horas aula, com certificado de participação aos alunos aprovados.

O tempo de dedicação semanal demandado é de aproximadamente 10 horas, a depender do ritmo de cada aluno.

O horário para realização do curso é totalmente flexível e você poderá executá-lo de acordo com suas necessidades.

Ocorrerão alguns encontros on-line com os professores do curso, não obrigatórios, principalmente com o objetivo de estimular o networking entre alunos e com a equipe do Núcleo de Informação Tecnológica da UFSCar (NIT-Materiais).

As inscrições pelo site estarão abertas até o dia 03 de agosto, mas há descontos especiais para as inscrições até 20 de julho. Como as vagas são limitadas sugerimos sua efetivação o quanto antes.

No decorrer do curso, serão demandadas atividades práticas e você contará com o apoio de tutores, para esclarecimento de dúvidas e orientações.

investimento necessário (sem descontos) é de R$ 1.200,00, podendo ser pago da seguinte forma:

– Em 4 parcelas de R$ 300,00;

– Com 10% de desconto à vista, totalizando R$ 1.080,00;

– Com 20% de desconto à vista para mais de 2 inscritos de uma mesma Instituição, totalizando R$ 960,00 cada um.

Veja todos os detalhes do curso no arquivo anexo, incluindo a programação completa, avaliação, formas de pagamento e descontos.

Para inscrever-se acesse o site:

www.bibliometria-7.faiufscar.com

Se tiver qualquer dúvida, por favor entre em contato por e-mail veralui@ufscar.br, pelo fone (16) 3351-8551 ou pelo meu WhatsApp: (16) 9 9241-7519.

 Venha realizar o curso conosco!

==

Bibliometria é uma técnica de análise de informações cada vez mais valorizada e voltada à tomada de decisões. Ela viabiliza a elaboração e análise de indicadores sobre produção científica e tecnológica a partir da quantificação de volumes significativos de informações disponíveis em bases de dados.

O curso, que é interdisciplinar, capacitará os alunos para compreender e analisar indicadores por meio de ferramentas automatizadas, com atividades teóricas e práticas.

Direcionado a bibliotecários e outros profissionais da informação, atuantes, por exemplo, em instituições de Ciência e Tecnologia, empresas de base tecnológica, consultorias, dentre outros interessados.

Professores renomados da UFSCar, e também especialistas do setor empresarial, são os responsáveis pelas aulas, compostas por exercícios de coleta e análise de informações que envolvem a aplicação de conceitos da Bibliometria por meio da utilização de ferramentas computacionais (VantangePoint 5.0, UCINET, NETDRAW e GEPHI), simulando situações reais, característica peculiar do curso. O material didático é composto por vídeo-aulas, tutoriais, textos e apresentações, e ficará disponível aos participantes no ambiente virtual de aprendizagem.

As inscrições estão abertas até o dia 03 de agosto por meio do site www.bibliometria-7.faiufscar.com

O curso a distância de Bibliometria e Indicadores Científicos, que tem duração de três meses (120 horas), é oferecido pelo Centro de Educação a Distância do Núcleo de Informação Tecnológica (NIT) do Departamento de Engenharia de Materiais (DEMa) da UFSCar e gerenciado pela Fundação de Apoio Institucional ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FAI) da Universidade. Mais informações pelo e-mail veralui@ufscar.br.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

[Especial 10 anos] – Os 10+ do Mundo Bibliotecário

Não é todo dia que um blog comemora 10 anos.

O tempo passou e esse dia chegou para o Mundo Bibliotecário!

Comecei o blog despretensiosamente em 13 de julho de 2008, logo no primeiro ano da graduação. E graças a você, leitor(a), ele continua!

Ao longo do tempo muitas notícias foram compartilhadas, relatos de eventos que participei, concursos, o surgimento do curso de Biblioteconomia a distância, notas de falecimentos de personalidades da área, entre outros.

Veja abaixo quais foram os 10+ mais nesses 10 anos! Continuar lendo

4 Comentários

Arquivado em Notícias

Rotas alternativas para artigos acadêmicos e resultados de pesquisa

Muitos artigos acadêmicos e revisados por pares podem ser lidos hoje em dia na web. Vários serviços e arquivos gratuitos desenvolveram ferramentas e serviços que ajudam os usuários a descobrir resultados de pesquisa de maneira fácil e simples: por meio da instalação de uma extensão ou plug-in do navegador; usando mecanismos e arquivos de pesquisa acadêmicos ou entrando em contato diretamente com o autor. No texto a seguir, listamos uma seleção de serviços e formas de encontrar artigos científicos. A escolha é sua.

Fonte da figura: https://en.wikipedia.org/wiki/File:Open_Access_PLoS.svg

***

O excerto é uma tradução livre do primeiro parágrafo do texto Alternative routes to scholarly articles and research outputs, que apresenta ferramentas para encontrar artigos em acesso aberto.

Boa leitura!

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Biblioteca Parque Villa-Lobos entre as melhores bibliotecas públicas do mundo

Biblioteca brasileira concorre ao prêmio de melhor biblioteca pública do mundo com outras quatro instituições dos EUA, Holanda, Cingapura e Noruega. Vencedora será conhecida em agosto.

Biblioteca Parque Villa-Lobos | © Equipe SP Leituras

Foram anunciadas ontem (28) as cinco finalistas do Prêmio Internacional de Biblioteca Pública do Ano de 2018 e a Biblioteca Parque Villa-Lobos, de São Paulo, integra essa lista. Ao todo, o concurso recebeu 35 inscrições de 19 países. As finalistas foram selecionadas por um júri composto por membros da Federação Internacional de Associações de Bibliotecas (IFLA), que realiza o prêmio junto com a Systematic. Para chegar às finais do prêmio, as cinco bibliotecas foram avaliadas em seis critérios que incluem a cultura local, a sustentabilidade, até que ponto a biblioteca leva em conta o desenvolvimento digital e os desejos e necessidades dos usuários. Para a escolha da Biblioteca Parque Villa-Lobos, o júri levou em conta o ambiente claro e aberto do espaço e destacou que ela é uma biblioteca ativa, cujo design de interiores e arquitetura possibilitam a realização de atividades de muitos tipos diferentes. Também concorrem a Austin Central Library nos EUA, por seu foco na sustentabilidade; o KopGroep Bibliotheken, na Holanda, por cooperar com o teatro local e pela interação entre a arquitetura nova e antiga; a norueguesa Deichman Biblo Toyen, por seu amplo envolvimento de usuários; e a Biblioteca Regional de Tampines, em Cingapura, por facilitar os interesses de esportes, lazer e serviços para os cidadãos. A vencedora ganhará um prêmio no valor de US$ 5 mil e será anunciada no dia 28 de agosto, em Kuala Lumpur, na Malásia, durante a Reunião Anual da IFLA. Lembrando que a Biblioteca de São Paulo, irmã da Villa-Lobos, nesse ano também ficou entre as finalistas de outro prêmio internacional, o da Feira do Livro de Londres.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Consulta Nacional – 2º Projeto de Revisão da ABNT NBR 6023

Fonte da imagem: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Abnt3.jpg

 

A ABNT abriu consulta pública para a revisão da norma de referência bibliográfica, a NBR 6023, até o dia 16/07/18.

Está em Consulta Nacional o 2º Projeto de Revisão da ABNT NBR 6023 – Informação e documentação – Referências – Elaboração, do ABNT/CB-014 – Informação e Documentação.

A data limite para votação é 16/07/2018.

Para acessar o projeto entre no link: https://goo.gl/YFQ1JR

Pesquisa por Comitê
ABNT/CB-014 – Informação e Documentação

Clique na lupa (visualizar)
Faça o login, caso não possua clique em “Criar meu ABNT Passaporte gratuitamente”

Fonte: Facebook do Conselho Federal de Biblioteconomia

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Casa de Rui Barbosa lança edital de bolsas para a Cátedra Unesco

A Fundação Casa de Rui Barbosa (FCRB), entidade vinculada ao Ministério da Cultura (MinC), lançou edital de bolsas com duas vagas para doutores nas áreas de Ciências Humanas, Ciências Sociais Aplicadas, Letras e Artes e cinco para graduados em qualquer área de formação. As inscrições podem ser feitas até a meia-noite do dia 1º de julho.

As bolsas terão duração de cinco meses, podendo ser prorrogadas em caso de interesse da FCRB. Os valores são de R$ 1.350 para graduados e R$ 3.700 para doutores. Todos os participantes devem ter disponibilidade mínima de 20 horas semanais para dedicar-se à realização do projeto ao qual a bolsa estará vinculada.

As inscrições podem ser feitas pelo e-mail catedrapoliticasculturais@rb.gov.br ou entregues pessoalmente na sede da Fundação Casa de Rui Barbosa (Rua São Clemente, 134, Botafogo/RJ), no 2º andar, na sala D, das 14h às 18h. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail de inscrição ou pelos telefones (21) 3289.8608 / (21) 3289.8610.

O resultado final da seleção será publicado no Diário Oficial da União até o dia 20 de julho de 2018 e estará disponível no site do MinC e da FCRB.

O início das atividades está previsto para até 1º de agosto deste ano ou de acordo com o cronograma de execução do projeto do bolsita.

Cátedra Unesco

As bolsas de iniciação científica integram a Cátedra Unesco sobre Políticas Culturais e Gestão, em vigor desde setembro de 2017. A Cátedra tem como objetivo a formação de um centro de excelência e um polo avançado de estudos no campo das políticas culturais e da gestão. Em torno da Cátedra, será articulada uma rede de pesquisadores, que contribuirão com os processos de disseminação de conhecimento e formação qualificada e atualizada de profissionais que atuam na área.

Além das bolsas, a Cátedra prevê, ainda, a realização de seminários internacionais, simpósios, colóquios, oficinas e de cursos de qualificação avançada, em parcerias com universidades.

Acesso rápido: edital.

Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura
Com Informações da Fundação Casa de Rui Barbosa

Disponível em: <http://www.cultura.gov.br/banner-1/-/asset_publisher/G5fqgiDe7rqz/content/casa-de-rui-barbosa-lanca-edital-de-bolsas-para-a-catedra-unesco/10883?redirect=http://www.cultura.gov.br/banner-1%3Fp_p_id%3D101_INSTANCE_G5fqgiDe7rqz%26p_p_lifecycle%3D0%26p_p_state%3Dnormal%26p_p_mode%3Dview%26p_p_col_id%3Dcolumn-1%26p_p_col_count%3D4>. Acesso em: 19 jun. 2018.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Conheça a biblioterapia e como a leitura pode combater a ansiedade

Muitos recorrem à leitura para desligar-se do mundo real e conhecer outros universos, mas o que a maioria dos “devoradores de livros” não sabe, é que a função da leitura vai muito além do deleite pessoal. Isso porque, hoje em dia, a prática literária já é utilizada no tratamento de problemas psicológicos. A origem dessa técnica, ainda pouco difundida no Brasil, é histórica. “Os egípcios, gregos e romanos já compreendiam a leitura como um remédio eficaz para o tratamento das dores da alma. Em 1272, os hospitais orientavam a seus pacientes a leitura do alcorão. E mesmo posteriormente, durante a Primeira Guerra Mundial, a biblioterapia ajudou a amenizar os traumas sofridos pelos soldados que participaram do confronto”, explica a biblioteconomista Isabel Cristina Venere, de 47 anos, que defendeu tese sobre o assunto.

A ampliação da percepção e da sensação de independência e a redução de medos e ansiedades são apenas alguns dos benefícios proporcionados pela biblioterapia. “A leitura age no equilíbrio emocional dos indivíduos, levando-os ao relaxamento extremo e estimulando a memória, sem falar que sua prática proporciona benefícios a todas as faixas etárias”, reitera a especialista.

A coordenadora de eventos, Regiane Rodrigues Rossini, de 46 anos, começou a ler frequentemente ainda jovem e logo descobriu o potencial terapêutico da leitura.
“Em agosto de 2012 sofri um derrame pulmonar e fiquei sem poder andar muito por algum tempo. Nesse período, como não podia fazer exercícios físicos, comecei a participar de um clube de leitura. Além de fazer novas amizades, o clube ampliou meus horizontes literários e, aos poucos, fui voltando às minhas atividades normais”, afirma, ressaltando o quão prazerosa pode ser a prática.

Efeitos
Os efeitos da biblioterapia se devem à imersão proporcionada pela literatura. “O ser humano acaba tendo um envolvimento emocional com o texto, aplicando o que lê a sua própria vida, é uma espécie de catarse literária”, acrescenta a biblioteconomista. Mas o simples ato de ler não corresponde à pratica da biblioterapia. “É algo bem mais complexo, uma vez que o material utilizado sempre é escolhido por uma equipe de profissionais, que estudam a situação de cada paciente”, frisa Isabel.

Ainda que sua eficácia seja comprovada, a biblioterapia não substitui nenhum tratamento médico. De acordo com o psicólogo Jefferson Willian Bucci, a biblioterapia é uma prática auxiliar. “Não se trata de uma prática psicológica, mas sim de uma terapia complementar, que pode auxiliar na solução dos problema da mesma forma que a prática de esportes, ou a acupuntura, por exemplo, portanto, não dispensa outros tratamentos de forma alguma”, esclarece.

A coordenadora de eventos Regiane Rossini conta que superou problemas pessoais com a prática da leitura (Foto: Rui Carlos)

A coordenadora de eventos Regiane Rossini conta que superou problemas pessoais com a prática da leitura (Foto: Rui Carlos)

Fonte: Portal Jornal Jundiaí

Disponível em: <http://www.crb8.org.br/conheca-a-biblioterapia-e-como-a-leitura-pode-combater-a-ansiedade/>. Acesso em: 18 jun. 2018.

2 Comentários

Arquivado em Notícias