Retrospectiva da década 2010-2019 na Biblioteconomia

Todas as retrospectivas que acompanhei esses dias relatam a sensação de se ter vivido muito mais que dez anos no período 2010-2019. Sem dúvida, houve grandes eventos e acontecimentos em diversas áreas. E na Biblioteconomia não foi diferente.

Esta retrospectiva contou com a participação de Pedro Andretta, Ronaldo F. Araújo e Bruna Lessa, a quem agradeço pelos sugestões enviadas no Twitter.

Em 2010, tivemos no Brasil a promulgação da Lei da Universalização das Bibliotecas Escolares (Lei n. 12.244), mas infelizmente poucos avanços ocorreram. O prazo para todas as escolas terem uma biblioteca com acervo mínimo de um título para cada aluno matriculado e um bibliotecário por colégio foi até prorrogado para 2024.

Faleceram personalidades importantes para a área, como Carminda Nogueira de Castro Ferreira em 2010 e Aldo de Albuquerque Barreto em 2018.

A Editora Briquet de Lemos encerrou suas atividades depois de 24 anos de funcionamento.

Depois de longas discussões, o curso de Biblioteconomia à distância foi lançado pela CAPES em 2018. Até o momento apenas instituições privadas oferecem o curso, apesar de onze instituições públicas já terem sido aprovadas para oferecê-lo desde 2018.

As seguintes normas da ABNT foram atualizadas:

ABNT NBR 5892:2019
Informação e documentação — Representação e formatos de tempo — Datas e horas — Apresentação


ABNT NBR ISO 23081-1:2019
Informação e documentação – Processos de gestão de documentos de arquivo – Metadados para documentos de arquivo
Parte 1: Princípios

ABNT NBR 6023:2018
Informação e documentação – Referências – Elaboração

ABNT NBR ISO 18829:2018
Gerenciamento de documentos – Avaliação das implementações de GCC/GEDDA – Confiabilidade

ABNT NBR ISO 15489-1:2018
Informação e documentação – Gestão de documentos de arquivo
Parte 1: Conceitos e princípios

ABNT NBR 6022:2018
Informação e documentação – Artigo em publicação periódica técnica e/ou científica – Apresentação

ABNT NBR ISO 30302:2017
Informação e documentação – Sistema de gestão de documentos de arquivo – Diretrizes para implementação

ABNT NBR ISO 30300:2016
Informação e documentação — Sistema de gestão de documentos de arquivo — Fundamentos e vocabulário

ABNT NBR ISO 30301:2016
Informação e documentação – Sistemas de gestão de documentos de arquivo – Requisitos

ABNT NBR 6021:2015 Errata 1:2016
Informação e documentação — Publicação periódica técnica e/ou científica — Apresentação

ABNT NBR 6021:2015 Versão Corrigida:2016
Informação e documentação — Publicação periódica técnica e/ou científica — Apresentação

ABNT NBR 10719:2011 Emenda 1:2015
Informação e documentação – Relatório técnico e/ou científico – Apresentação

ABNT NBR 10719:2015
Informação e documentação – Relatório técnico e/ou científico – Apresentação

ABNT NBR 6027:2012
Informação e documentação — Sumário — Apresentação

ABNT NBR 6024:2012
Informação e documentação — Numeração progressiva das seções de um documento — Apresentação

ABNT NBR 14724:2011
Informação e documentação – Trabalhos acadêmicos – Apresentação

ABNT NBR 15287:2011
Informação e documentação — Projeto de pesquisa — Apresentação

A legislações do Marco Civil da Internet e da Lei de Proteção de Dados Pessoais, criadas nesta década, podem impactar diretamente as atividades de coleta, armazenamento e acesso de informação nas bibliotecas, haja vista que o uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) é a principal forma de acesso à informação atualmente.

O acesso aberto se consolidou com o Plano S da União Europeia em 2018. Da mesma forma, os periódicos científicos abertos, repositórios institucionais e os dados de pesquisa também se destacaram com força nos últimos dez anos.

No início de 2019 o Ministério da Cultura foi transformado em Secretaria Especial da Cultura. Inicialmente foi alocada no Ministério da Cidadania e recentemente foi transferida para o Ministério do Turismo. Em dezembro de 2019, a presidência da Fundação Biblioteca Nacional foi assumida por Rafael Nogueira e o serviço do ISBN foi transferido para a Câmara Brasileira do Livro (CBL), que será a nova responsável pela sua emissão a partir de março de 2020.

Também enviaram contribuições Jorge do Prado e Ana:

20ª ed. do ENANCIB

28ª ed. do CBBD

1º Encontro sobre RDA no Brasil

Oodi Library eleita como melhor biblioteca pública do mundo

Discussões sobre as futuras alterações no Qualis

Lançamento do 1º podcast brasileiro de CI

Aprovação de PL sobre proteção de pessoas que trabalham em bibliotecas, museus, arquivos

1º Fórum de Bibliotecas Prisionais

60 anos da FEBAB

25 anos do Manifesto da IFLA sobre Bibliotecas Públicas

65 anos do CBBD

Lançamento da frente parlamentar mista do livro, da leitura e da escrita

Bibliotecas podem ajudar na implementação das metas de desenvolvimento sustentável na Europa (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU), incluindo o combate às fake news

Se você lembrar de mais algum fato, deixe um comentário aqui, no Facebook ou no Twitter!

Deixe um comentário

Arquivado em Reflexões

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s