A informação sempre correu solta

É comum ouvir em diversos lugares, em vários textos que vivemos na Era da Informação. Mas porque apenas agora a informação tomou tamanha importância a ponto de tornar-se nome de uma Era, de um momento histórico?

Um primeiro ponto a ser considerado são as tecnologias da informação. Nunca se viu, em qualquer outro período da história, a informação correr solta como hoje. Não que em outros tempos ela não fosse divulgada, porém restringia-se a grupos sociais menores. O fenômeno verificado hoje só foi possível com o surgimento de celulares, televisão, rádio, internet, palmtops, computadores… tudo isso pode ser considerado tecnologia da informação porque transmite informação e permite sua propagação rápida e ampla. É fato que mais informações chegam até as pessoas, mas muito pouco do que realmente se deseja saber. Assim, a quantidade informações produzidas é diretamente proporcional a dificuldade de se achar uma uma que seja específica.

Outro ponto: a informação possui valor agregado, transformando-se num bem que pode gerar lucro. Um exemplo disso é uma caso interessante que ouvi certa vez. Um supermercado notou que nos finais de semana eram vendidos dois itens nos finais de semana do que durante a semana. Tal fato ocorria com certa freqüência, pois os pais saíam para as compras enquanto as mães arrumavam a casa. Contudo, nem sempre seguiam a lista de compras, mas nunca se esqueciam de dois itens: fraldas e cerveja. Levavam a fralda para que as mães não brigassem depois (ai se esquecessem…) e a cerveja para acompanhar o futebol. De posse dessa informação, o supermercado deixou esses itens em corredores próximos para vendê-los mais e, assim, lucrar mais.

É por essas e outras que vivemos na Era da Informação.

1 comentário em “A informação sempre correu solta”

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: