Concurso USP – Ribeirão Preto

As inscrições deverão ser efetuadas no período de 09 a 13/11/2009, através da internet, sendo obrigatório o preenchimento e a transmissão da ficha de inscrição, bem como o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 50,00 (cinquenta reais), conforme disposto no item 7.3.   COORDENADORIA DO CAMPUS DE RIBEIRÃO PRETO

ABERTURA DE CONCURSO PÚBLICO

Edital CCRP 028/2009

A Coordenadoria do Campus de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo torna pública a abertura de concurso público para preenchimento de 1 (uma) vaga do Grupo Superior I A e outras que forem surgindo durante a validade deste na função de BIBLIOTECÁRIO.

1.  A função será preenchida sob o Regime da CLT, em jornada de trabalho de 40 horas semanais. O horário de trabalho será estabelecido pela Universidade de São Paulo de acordo com suas necessidades, podendo ser diurno, noturno, misto, em regime de plantões ou em escala de revezamento.

2.  Superado o período de experiência de 90 dias, o contrato de trabalho passará a viger por tempo indeterminado (§ único art. 445 da CLT).

3.  O salário inicial para o mês de novembro é de R$ 3.323,81 (Três mil, trezentos e vinte e três reais e oitenta e um centavos). O que corresponde ao Grupo Superior, Faixa I, Nível A.

4.  São exigências para o desempenho da função:

– Curso de Graduação completo em Biblioteconomia, na modalidade presencial, com carga horária mínima fixada pelo MEC;

– Registro no Órgão Profissional Conselho Regional de Biblioteconomia – CRB;

– Conhecimento básico de Inglês;

– Conhecimento de informática.

5.  São atribuições da função descritas no Plano de Classificação de Funções – P.C.F. da Universidade de São Paulo:

Sumária:

Promover a interface entre os usuários e a informação, com vistas ao apoio das atividades de pesquisa, ensino e extensão, executando tarefas relativas à seleção, aquisição e registro de acervo, bem como aos serviços de disseminação da informação.

Detalhada:

– Executar a aquisição de material bibliográfico, controlar o seu recebimento e manter atualizados os respectivos controles.  – Executar análise temática, representação descritiva e classificação dos materiais do acervo.

– Organizar e manter atualizados os catálogos e cadastros da biblioteca.

– Promover o controle bibliográfico através da coleta de informações e atualização de bases / bancos de dados.

– Acompanhar o atendimento de empréstimo e consulta.

– Selecionar material para encadernação / restauro.

– Atender os usuários e orientá-los quanto aos recursos de informação da biblioteca e do sistema, bem como no uso dos equipamentos da biblioteca.

– Localizar documentos através dos catálogos disponíveis, executar a comutação bibliográfica e acompanhar o empréstimo – entre – bibliotecas.

– Executar o acesso a bancos de dados para buscas e levantamentos bibliográficos, em nível local.

– Participar de organização de publicações e bibliografias sob a responsabilidade da biblioteca.

– Efetuar a digitação e o controle dos registros de documentos referentes às diversas etapas do cadastramento automatizado, para as bases/ bancos de dados existentes de disseminação da informação.

– Organizar e coordenador inventário de coleções.  – Supervisionar as tarefas de conservação e preservação do acervo.

– Supervisionar o trabalho de encadernação de material bibliográfico.

– Zelar pelo uso adequado das salas de leitura e biblioteca.  – Organizar publicações sob a responsabilidade da biblioteca e / ou da Unidade, promovendo sua divulgação e distribuição.

– Coletar e analisar dados para avaliação de coleções, serviços e outras atividades de interesse da biblioteca e do Sistema.

– Executar a seleção de material para aquisição e descarte, mantendo atualizado o programa de desenvolvimento do acervo.

– Executar normalização técnica de documentos.  – Garantir a atualização e manutenção do registro de informações referentes ao acervo e produção científica nos catálogos e bancos de dados da biblioteca e da Universidade.

– Orientar o usuário na aplicação de normas para apresentação de trabalhos acadêmicos.

– Executar o acesso aos bancos de dados para busca, levantamento bibliográfico em nível local, nacional e internacional.

– Executar tarefas correlatas solicitadas pela Chefia.

– Prestar serviços de informação on-line preventiva.

– Distribuir tarefas e controlar sua execução

– Organizar e elaborar guias, folhetos, folders e outros veículos de divulgação dos serviços prestados pela biblioteca.

– Manter contatos com instituições congêneres para estabelecimento de permuta e doação.

– Zelar pelas condições físicas e ambientais da biblioteca, garantindo a integridade do acervo e favorecendo a satisfação dos usuários.

– Orientar equipes de trabalho e administrar os recursos humanos sob sua responsabilidade.

– Coordenar e Controlar as atividades das Seções e ou Setores sob sua responsabilidade.

– Coletar informações para a memória institucional.

– Elaborar levantamentos bibliográficos.

– Apoiar os docentes em suas atividades de pesquisa e extensão, sendo vedadas as atividades didáticas exceto aquelas de apoio laboratorial.

– Zelar pela segurança individual e coletiva, utilizando equipamentos de proteção apropriados, quando da execução dos serviços.

– Zelar pela guarda, conservação, manutenção e limpeza dos equipamentos, instrumentos e materiais utilizados, bem como do local de trabalho.

– Manter-se atualizado em relação às tendências e inovações tecnológicas de sua área de atuação e das necessidades do setor/departamento.

– Executar outras tarefas correlatas, conforme necessidade ou a critério de seu superior.

6.  São condições para inscrição no concurso público:

– Ser brasileiro nato ou naturalizado;

– Possuir 18 anos completos até a data do encerramento das inscrições;

– Curso de Graduação completo em Biblioteconomia, na modalidade presencial, com carga horária mínima fixada pelo MEC;

– Estar em dia com as obrigações resultantes da legislação eleitoral e, se do sexo masculino, do Serviço Militar;

– Conhecer e estar de acordo com as exigências contidas no presente Edital, conforme declaração prestada na Ficha de Inscrição, especialmente, em caso de convocação para contratação, com a apresentação da documentação pessoal completa exigida no item 14.1 no prazo de 5 (cinco) dias úteis contados do dia seguinte ao da publicação do Edital de Convocação, sob pena de ser considerado(a) desistente do concurso público

7.  Das Inscrições

7.1.  A inscrição do candidato implicará o conhecimento e a tácita aceitação das normas e condições estabelecidas neste Edital, em relação às quais não poderá ser alegada qualquer espécie de desconhecimento.

7.2.  As inscrições deverão ser efetuadas no período de 09 a 13/11/2009, através da internet, sendo obrigatório o preenchimento e a transmissão da ficha de inscrição, bem como o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 50,00 (cinquenta reais), conforme disposto no item 7.3.

7.3.  A inscrição deverá ser realizada pela internet até às 17 horas do dia 13/11/2009, através do acesso ao “site”: http:// www.sistemas.usp.br/marteweb – “link”: Concurso Público, com a observância rigorosa dos seguintes procedimentos:

1º) escolher o campus;

2º) escolher a função e clicar em Avançar;

3º) optar pelo presente concurso público objeto do Edital CCRP/USP nº. 28/2009;

4º) informar o CPF e a data de nascimento e clicar em Avançar;

5º) preencher todos os campos obrigatórios da ficha;

6º) inscrever-se (ATENÇÃO: após se inscrever, o candidato NÃO poderá alterar os dados da ficha de inscrição);

7º) gerar e imprimir o boleto bancário para pagamento do valor da taxa de inscrição;

8º) efetuar o pagamento do boleto bancário em qualquer agência bancária até 13/11/2009, data limite para o encerramento das inscrições.

7.3.1.      As informações prestadas na ficha de inscrição preenchida devem ser verdadeiras e são de inteira responsabilidade do candidato que fica ciente de que qualquer falsa informação, omissão ou erro implicará em sua exclusão do concurso público, a qualquer momento, e sujeição às penas da lei.

7.3.2.      Em caso de feriado ou evento que acarrete o fechamento das agências bancárias na localidade em que se encontrar o candidato, o boleto bancário deverá ser pago antecipadamente.

7.3.3.      Não serão aceitas inscrições via internet cujo pagamento ocorra por depósito em caixa eletrônico, via postal, facsímile, transferência eletrônica, DOC, DOC eletrônico, ordem de pagamento ou depósito comum em conta corrente, condicional e/ou extemporânea, ou por qualquer outra via que não a especificada no item 7.3 deste Edital.

7.3.4.      O único comprovante de inscrição via internet será o boleto bancário devidamente pago, não sendo necessária a entrega da ficha de inscrição.

7.3.5.      Não serão aceitas as inscrições via internet cujo pagamento da taxa seja efetuado após a data do encerramento das inscrições, não sendo devido ao candidato qualquer ressarcimento da importância paga extemporaneamente.

7.3.6.      A Universidade de São Paulo não se responsabiliza por inscrições via internet não recebida por motivos de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, bem como outros fatores de ordem técnica que impossibilitem a transferência de dados.

7.3.7.      A lista dos candidatos inscritos e/ou Edital de Convocação para a Prova será publicada em data e horário a serem definidos oportunamente no Diário Oficial do Estado de São Paulo podendo o candidato, sem caráter oficial, acompanhar o concurso público através do endereço eletrônico www.ccrp.usp.  br/pages/processo.

7.3.8.      Caso seja detectada alguma falha na inscrição via internet, o candidato terá o prazo de dois dias úteis, contados a partir do dia seguinte ao da publicação da lista dos candidatos inscritos no Diário Oficial do Estado de São Paulo, para pleitear a regularização de sua inscrição através do e-mail: pessoal.pc@ usp.br ou por meio da apresentação de requerimento escrito e do comprovante do pagamento da taxa de inscrição à Comissão de Concurso Público Centralizado a ser entregue no Serviço de Pessoal da Coordenadoria do Campus de Ribeirão Preto – USP – sala 4, situada na Avenida Bandeirante 3.900, Bairro Monte Alegre – Ribeirão Preto SP, em dias úteis das 9h às 17h.

7.4.  O descumprimento das instruções para a inscrição, via internet, implicará em sua não efetivação.

7.5.  Efetivada a inscrição via internet, não haverá, em hipótese alguma, devolução do valor da taxa de inscrição paga.

7.6.  Não serão aceitos pedidos de isenção do pagamento do valor da taxa de inscrição, seja qual for o motivo alegado pelo candidato.

7.7.  De acordo com as disposições das Leis Complementares Estaduais nº. 683, de 18/09/92 (art. 1º), e nº. 932, de 08/11/2002, não serão reservadas vagas para os portadores de deficiência, uma vez que o total de vagas oferecidas não atinge nem o número nem o percentual mínimos estabelecidos para a reserva legal.

7.8.  Durante o período de inscrição, o candidato portador de deficiência poderá apresentar requerimento dirigindo-se ao Serviço de Pessoal da Coordenadoria do Campus de Ribeirão Preto, Sala 4, em dias úteis, das 9h às 17h, solicitando as providências necessárias à viabilização de sua participação em todas as etapas do concurso público.

8.  Da Prova

8.1.  O concurso público constará da seguinte etapa:

1ª Prova de Múltipla Escolha (eliminatória) com 50 questões

objetivas, sendo 35 questões de conhecimento específico, 5

questões de informática aplicada à área de biblioteconomia, 5

questões de Língua Inglesa e 5 questões de Língua Portuguesa,

valendo 0,2 pontos cada

8.2.  A Prova de Múltipla Escolha versará sobre o programa abaixo:

Programa:

LÍNGUA INGLESA: Interpretação de texto e questões relacionadas ao texto e gramática da língua inglesa.

LÍNGUA PORTUGUESA: Interpretação de texto e questões relacionadas ao texto e gramática da língua portuguesa.  INFORMÁTICA: Conhecimentos gerais aplicados à área de biblioteconomia (Tecnologia de Informação e Comunicação).  CONHECIMENTO ESPECÍFICO/BIBLIOTECONOMIA E DOCUMENTAÇÃO:

– Conceitos e definições básicas;

– Perfil profissional;

– Administração de Bibliotecas;

– Formação e Desenvolvimento de Coleções: Políticas e rotinas de seleção e aquisição de material documentário; Planejamento de acervos; Princípios e políticas de seleção; Princípios e técnicas de avaliação de coleções;

– Tratamento Técnico da Informação: Formatos de intercâmbio de informação bibliográfica; Representação temática e descritiva dos registros de coleções; Normas da ABNT sobre documentação; Normas de Catalogação; – Indexação;

– Serviço de Referência e Informação: – Princípios e fundamentos;

– Disseminação da Informação; – Comutação bibliográfica;

– Serviços e produtos de informação (tradicionais e automatizados);

– Marketing em unidade de informação; – Normalização bibliográfica;

– Sistemas e Redes de Informação: – Conceitos e características;

– Tipos de sistemas e redes; – Compartilhamento de recursos e cooperação bibliotecária;

– Bibliotecas Universitárias: Objetivos, características e avaliação; Estruturas organizacionais;

– Novas tecnologias (Internet, ferramentas de busca, bases de dados eletrônicas); Conceituação de bibliotecas eletrônicas, digitais e virtuais;

– Bibliometria;

– Planejamento para arquitetura e construção de bibliotecas.

8.3.  Bibliografia sugerida para a Prova de Múltipla.

ALMEIDA, Maria Christina Barbosa de. Planejamento de bibliotecas e serviços de informação. 2.ed.rev.ampl. Brasília:

Briquet de Lemos Livros, 2005.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR

6022.           Artigo em publicação periódica científica impressa: apresentação.

Rio de Janeiro: ABNT, 2003.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR

6023.           Referências: elaboração. Rio de Janeiro: ABNT, 2002.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR

6027.           Sumário: apresentação. Rio de Janeiro: ABNT, 2003.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR

6028.           Resumo: apresentação. Rio de Janeiro: ABNT, 2003.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10520. Informação e documentação: citações em documentos – apresentação. Rio de Janeiro: ABNT, 2002.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10719. Apresentação de relatórios técnicos científicos. Rio de Janeiro: ABNT, 1989.

BLATTMANN, Ursula; SILVA, Fabiano Couto Corrêa da. Colaboração e interação na Web 2.0 e Biblioteca 2.0. Revista ACB, v.  12, n. 2, 2007. Disponível em: http://revista.acbsc.org.br/index.  php/racb/article/view/530. Acesso em 28 set. 2009.  CAMPELLO, Bernadete. Introdução ao controle bibliográfico.

2.ed. Brasília: Briquet de Lemos Livros, 2006.

CAMARGO, Liriane Soares de Araújo de; VIDOTTI, Silvana Ap. Borseti Gregório. Arquitetura da informação para biblioteca digital personalizável. Enc. Bibli: Rev. Eletr. Bibliotecon. Ci. Inf., Florianópolis, n. esp., p. 106-118, jan-jun. 2006. Disponível em: http://www.periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/viewFile/ 346/389.

CAMPOS, M.L.A.; GOMES, H.E. Taxonomia e classificação: o princípio de categorização. Datagramazero, v.9, n.4, ago., 2008.  Disponível em: http://dgz.org.br/ago08/F_I_art.htm. Acesso em 26 set. 2009.

CLASSIFICAÇÃO Decimal Universal: edição-padrão internacional em língua portuguesa. Brasília: IBICT, 1997.

CÓDIGO de catalogação Anglo-Americano. Preparado sob a direção do Joint Steering Committee for Revision of AACR.  Tradução para a língua portuguesa sob a responsabilidade da Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições (FEBAB). 2. ed. rev. São Paulo:

FEBAB, Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2004. Paginação irregular.

COSTA, Eliezer Arantes da. Gestão estratégica: da empresa que temos para a empresa que queremos. São Paulo: Saraiva, 2007.

DODEBEI, V. L. D. Tesauro: linguagem de representação da memória documentária. Niterói: Intertexto; Rio de Janeiro:

Editora Interciência, 2002.

DZIEKANIAK, Gisele Vasconcelos; KIRINUS, Josiane Boeira.  Web semântica. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, n. 18, 2 sem. 2004. Disponível em: //http://www.encontros-bibli.ufsc.br/regular.html. Acesso em: 28 mar. 2008.

GROGAN, Dennis. A prática do serviço de referência. Brasília:

Briquet de Lemos Livros, 2001.

GUEDES, V. L.S.; BORSCHIVER, Suzana. Bibliometria: uma ferramenta estatística para a gestão da informação e do conhecimento, em sistemas de informação, de comunicação e de avaliação científica e tecnológica. In: CINFORM: ENCONTRO NACIONAL DE CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 6. Salvador, BA, 2005.  Anais…. Disponível em: http://www.cinform.ufba.br/vi_anais/ docs/VaniaLSGuedes.pdf. Acesso em 28 set. 2009.  INNARELLI, Humberto Celeste. Preservação de documentos digitais: confiabilidade de mídias CD-ROM e CD-R. Campinas:

UNICAMP, 2006. 147 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mecânica) – Faculdade de Engenharia Mecânica, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2006. Disponível em: http:// libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000384479. Acesso em:

14 jul. 2008.

KURAMOTO, Hélio. Informação científica: proposta de um novo modelo para o Brasil. Ciência da Informação, Brasília, v. 35, n.2, 2006. Disponível em: http://www.ibict.br/cionline/ viewarticle. php?id=930&layout=html. Acesso em: 28 mar. 2008.  MARC 21: formato condensado para dados bibliográficos. 2. ed.

Marília: UNESP, 2002. 2 v.

LANCASTER, F.W. Indexação e resumos. 2.ed.rev.ampl.atual.

Brasília: Briquet de Lemos/Livros, 2004.

LE COADIC, Yves-François. A ciência da informação. 2.ed.rev.  atual. Brasília: Briquet de Lemos/Livros, 2003.

LIKER, J. K. O modelo Toyota. Porto Alegre: Bookmam, 2005.

MEY, Eliane Serrão Alves. Não brigue com a catalogação.

Brasília: Briquet de Lemos Livros, 2003.

MORAES, J.S.; CRISTIANINI, G.M.S. Planejamento da construção de edifícios para bibliotecas: requisitos básicos. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS, 13., 2004, Natal. Anais… Natal: UFRN, 2004. CD-ROM.

MOREIRA, A.; ALVARENGA, L.; OLIVEIRA, A. P. O nível do conhecimento e os instrumentos de representação: tesauros e ontologias DataGramaZero – Revista de Ciência da Informação, v.5, n.6, dez 2004.

MORENO, Fernanda Passini; MÁRDERO ARELLANO, Miguel Ángel. Requisitos funcionais para registros bibliográficos – FRBR:

uma apresentação. Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, v. 3, n. 1, p. 20-38, jul/dez. 2005.  OAKLAND, J. S. Gerenciamento da qualidade total. São Paulo: Nobel, 1994 OHIRA, Maria Lourdes Blatt; PRADO, Noêmia Schoffen.  Bibliotecas virtuais e digitais: análise de artigos de periódicos brasileiros (1995/2000). Ci. Inf., Brasília, v. 31, n. 1, p. 61-74, jan.  2002. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_ arttext&pid=S0100-19652002000100007&lng=en&nrm=iso.  ROSETTO, Marcia. Bibliotecas digitais: cenários e perspectivas.

Rev. Bras. Bibliot. Document., nova série, São Paulo, v.  4, n. 1, p. 101-130, jan-jun. 2008. Disponível em: http://www.  febab.org.br/rbbd/ojs-2.1.1/index.php/rbbd/article/viewPDFInterstitial/ 101/92.

ROSETTO, Márcia. Uso do Protocolo Z39.50 para recuperação de informação em redes eletrônicas. Ciência da Informação, Brasília, v. 26, n. 2, 1997. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.  php?script=sci-arttext&pid=S0100-19651997000200004&lng= en&nrm=iso. Acesso em: 28 mar. 2008.

ROWLEY, Jennifer. A biblioteca eletrônica. Brasília: Briquet de Lemos Livros, 2002.

SAYÃO, Luís Fernando. Interoperabilidade das bibliotecas

digitais: o papel dos sistemas de identificadores persistentes

  • URN, PURL, DOI, Handle System, CrossRef e OpenURL. Transinformação, v. 19, n. 1, 2007. Disponível em: http://revistas.  puc-campinas.edu.br/transinfo/viewarticle.php?id=245. Acesso em: 28 mar. 2008.

SOUTO, Patrícia Cristina Nascimento. E-publishing development and changes in the scholarly communication system.  Ciência da Informação, Brasília, v. 36, n. 1, 2007.  TEIXEIRA FILHO, Jayme. Gerenciando conhecimento: como a empresa pode usar a memória organizacional e a inteligência competitiva no desenvolvimento de negócios. Rio de Janeiro:

Ed. SENAC, 2000.

TRISTÃO, A.M.D.; FACHIN, G.R.B.; ALARCON, O.E. Sistemas de classificação facetados e tesauros: instrumentos para organização do conhecimento. Ciência da Informação, v.33, n.2, 2004.

VANTI, Nadia Aurora Peres. Da bibliometria à webometria:

uma exploração conceitual dos mecanismos utilizados para medir o registro da informação e a difusão do conhecimento. Ci.  Inf., Brasília, v. 31, n. 2, p. 152-162, maio/ago. 2002. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ci/v31n2/12918.pdf. Acesso em 26 set. 2009.

VERGUEIRO, Waldomiro. Seleção de materiais de informação:

princípios e técnicas. 2.ed. Brasília: Briquet de Lemos Livros, 1997.

Outras fontes:

http://www.oclc.org

http://www.bcrp.pcarp.usp.br/

http://www.bireme.br

http://www.ibict.br

http://prossiga.ibict.br/bibliotecas

http://www.bn.br/site/default.htm

http://www.loc.gov/index.html

http://www.worlddigitallibrary.org/project/english/index.

htm

http://www.unesco.org.br/

http://www.abnt.org.br

http://www.loc.gov/marc/

http://www.loc.gov/marc/umbspa/um01a06.html

http://www.usp.br/sibi/

http://www.periodicos.capes.gov.br/portugues/index.jsp

http://dublincore.org/tools

9.  Da Prestação da Prova

9.1.  A Prova de Múltipla Escolha terá a duração de 4 horas e será realizada em data, horário e local a serem comunicados oportunamente mediante publicação no Diário Oficial do Estado de São Paulo podendo o candidato, sem caráter oficial, acompanhar o concurso público através do endereço eletrônico www.  ccrp.usp.br/pages/processos.

9.2.  O gabarito será divulgado no dia seguinte ao da realização da Prova de Múltipla Escolha através do site www.ccrp.  usp.br/pages/processos.

9.3.  O gabarito poderá sofrer alteração devido ao provimento de recurso, sendo os pontos relativos às questões objetivas eventualmente anuladas atribuídos a todos os candidatos presentes à Prova de Múltipla Escolha.

9.4.  A prova do concurso público poderá ocorrer em dias úteis ou aos domingos a critério da administração e a convocação para a prova será feita através de publicação no Diário Oficial do Estado de São Paulo, podendo ainda os candidatos serem convocados para as etapas do concurso público por outros meios de comunicação ( através da Internet pelo site: www.ccrp.usp.br/pages/processos).

9.5.  O candidato deverá comparecer ao local designado, com 15 minutos de antecedência, munido de caneta esferográfica de tinta azul ou preta, documento de identificação com foto e comprovante de pagamento da taxa de inscrição.

9.6.  A realização da prova só será permitida ao candidato que se apresentar na data, no local e no horário constantes do presente Edital e/ou do Edital de Convocação para Prova.

9.7.  Não será admitido o ingresso, na sala de prova, do candidato que se apresentar após o horário da prova determinado no presente Edital e/ou no Edital de Convocação para Prova.

9.8.  O início da prova será declarado pelo Fiscal do Concurso Público presente em cada sala de prova respeitada a duração estabelecida no item 9.1.

9.9.  Ao término da prova, os dois últimos candidatos deverão sair da sala no mesmo momento. Em hipótese alguma poderá um único candidato permanecer sozinho em sala de prova com o Fiscal do Concurso Público.

9.10.            Será excluído do concurso público o candidato que, na prova, além das demais hipóteses previstas neste Edital:

– apresentar-se após o horário estabelecido no presente Edital e/ou no Edital de Convocação para a realização da prova, não se admitindo qualquer tolerância;

– não comparecer a qualquer uma das provas, seja qual for o motivo;

– desistir no decorrer da prova;

– não apresentar documento que bem o identifique;

– ausentar-se da sala sem o acompanhamento do fiscal;

– ausentar-se do local de prova antes de decorridos 30 minutos do seu início;

– for surpreendido em comunicação com outras pessoas ou utilizando-se de livros, notas ou impressos;

– estiver portando ou fazendo uso de qualquer tipo de equipamento eletrônico de comunicação (agendas eletrônicas, calculadoras, telefones celulares, pagers, laptop e outros equipamentos similares);

– efetuar, no caderno de prova, de modo a possibilitar sua identificação, qualquer sinal, marca, rubrica ou anotação ou, ainda, escrever mensagem ou qualquer tipo de protesto;

– não devolver integralmente o material recebido;

– perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos.

9.11.            Por razões de ordem técnica, de segurança e de direitos autorais adquiridos, não serão fornecidos exemplares da prova aos candidatos, mesmo após o encerramento do Concurso Público.

10.       Do julgamento da prova

10.1.            A Prova de Múltipla Escolha será avaliada na escala de 0 (zero) a 10 (dez) pontos.

10.2.            Na Prova de Múltipla Escolha, não serão computadas as questões objetivas não assinaladas ou que contenham mais de uma resposta, emenda, rasura ou feitas à grafite, ainda que legível.

11.       Da classificação

11.1.            Serão aprovados os candidatos que obtiverem na Prova de Múltipla Escolha nota igual ou superior a 7 (sete) pontos.

11.2.            A nota da prova será publicada no Diário Oficial do Estado de São Paulo com a indicação do nome dos candidatos em ordem alfabética.

11.3.            Considera-se nota final a nota atribuída à Prova de Múltipla Escolha.

11.4.            Os candidatos aprovados no concurso público serão classificados em ordem decrescente da nota final.

11.5.            O Resultado Final/Classificação será publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo com a indicação do nome dos candidatos, do número do Registro Geral – R.G., da nota final e da classificação.

11.6.            No caso de igualdade de nota final, o desempate será feito, sucessivamente, através dos seguintes critérios:

1º – idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos completada até o último dia da inscrição no presente concurso público, na forma do disposto no parágrafo único do artigo 27 da Lei Federal nº 10.741, de 1/10/2003 (Estatuto do Idoso);

2º – maior nota nas questões de conhecimento específico;

3º – maior nota nas questões de língua portuguesa;

4º – maior nota nas questões de informática aplicada à área de biblioteconomia;

5º – maior idade.

12.       Dos Recursos

12.1.            O candidato terá o prazo de 2 (dois) dias úteis para apresentar recurso contra enunciados e/ou respostas de questões de prova a partir do dia seguinte ao da realização de cada prova do concurso público.

12.2.            O candidato terá o prazo de 2 (dois) dias úteis para apresentar pedido de revisão de nota a partir do dia seguinte ao da publicação do resultado de cada prova no Diário Oficial do Estado de São Paulo.

12.3.            A cada prova do concurso público, o candidato poderá apresentar, dentro dos prazos estabelecidos nos itens 12.1. e 12.2., um único recurso e/ou um único pedido de revisão de nota.

12.4.            Os recursos e os pedidos de revisão de nota que forem apresentados fora dos prazos estabelecidos nos itens 12.1 e 12.2 não serão aceitos sejam quais forem os motivos alegados pelo candidato.

12.5.            Não será admitido pedido de revisão de nota após republicação de resultado de prova no Diário Oficial do Estado de São Paulo.

12.6.            Não caberá qualquer recurso ou pedido de revisão de nota após a publicação do Resultado Final/Classificação no Diário Oficial do Estado de São Paulo.

12.7.            O candidato deverá dirigir o recurso e/ou o pedido de revisão de nota à Comissão de Concurso Público Centralizado e entregá-lo no Serviço de Pessoal da Coordenadoria do Campus de Ribeirão Preto, Sala 4, em dias úteis, das 9h às 17h.

13.       Da validade

13.1.            O concurso público terá validade de 01 (um) ano a contar da data da Publicação do Despacho de Homologação no Diário Oficial do Estado de São Paulo, podendo, a critério da Universidade de São Paulo, ser prorrogado por igual período.

14.       Da admissão

14.1.            Para contratação, deverá o candidato comparecer ao Serviço de Pessoal da Unidade/Órgão indicado no Edital de Convocação, no prazo de 5 (cinco) dias úteis contados do dia seguinte ao de sua publicação no Diário Oficial do Estado de São Paulo, e apresentar a documentação pessoal completa abaixo discriminada, sob pena de ser considerado desistente do concurso público:

– Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS);

– Certidão de Nascimento (para solteiros);

– Certidão de Casamento;

– Cédula de Identidade – R.G.;

– 2 fotos 3×4 recentes;

– Cadastro de Pessoa Física (C.P.F./C.I.C.);

– Título de Eleitor acompanhado do comprovante de votação ou da justificativa referente à última eleição;

– Certificado Militar (para o sexo masculino);

– Certidão de Nascimento dos filhos com até 21 anos de idade ou até 24 anos, se universitários;

– Caderneta de Vacinação atualizada dos filhos menores de 14 anos;

– Extrato de participação no PIS/PASEP;

– Cópia autenticada do comprovante de escolaridade (histórico ou diploma) de conclusão do Curso de Graduação em Biblioteconomia, na modalidade presencial, com carga horária mínima fixada pelo MEC que, quando for expedido por instituições estrangeiras, deverá estar acompanhado da respectiva tradução e revalidação do título;

– Declaração de Acumulação de Cargo;

– Registro no Órgão Profissional Conselho Regional de Biblioteconomia – CRB, não sendo aceita apresentação de protocolo;

– Curriculum Vitae.

14.2.            Caso o candidato já tenha sido funcionário da Universidade de São Paulo, deverá apresentar declaração da Seção de Pessoal da Unidade/Órgão a qual pertencia com a data e o motivo do desligamento.

14.3.            Para contratação deverá o candidato ser considerado apto em exame médico pré-admissional realizado pelo SESMT/ USP.

14.4.            Caso o candidato exerça outro cargo, emprego ou função pública (inclusive aposentadoria), a contratação dependerá ainda da autorização de acumulação de cargo.

14.5.            Após atestada a aptidão em exame médico préadmissional realizado pelo SESMT/USP, e, quando for o caso, autorizada a acumulação de cargo, o candidato deverá iniciar o exercício da função na data fixada pela Unidade/Órgão, sob pena de ser considerado desistente do concurso público.

15.       Das Disposições Finais

15.1.            A inexatidão das informações ou a irregularidade nos documentos, verificada a qualquer tempo, em especial por ocasião da contratação, acarretará a exclusão do candidato do concurso público, sem prejuízo das demais medidas de ordem administrativa, civil ou criminal.

15.2.            O não atendimento, pelo candidato, das condições estabelecidas no presente Edital implicará em sua exclusão do concurso público, a qualquer tempo.

15.3.            A falta de pagamento da taxa de inscrição, verificada a qualquer tempo, acarretará a exclusão do candidato do concurso público.

15.4.            O candidato deverá manter atualizado seu endereço durante todo o prazo de validade do concurso público.

15.5.            Os itens deste Edital poderão sofrer eventuais alterações, atualizações ou acréscimos, enquanto não consumada a providência ou o evento que lhes disser respeito ou até a data da homologação do concurso público.

15.6.            É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar os comunicados e demais publicações referentes a este concurso público através do Diário Oficial do Estado de São Paulo.

COMUNICADO DE LIBERAÇÃO DE VAGA RESERVADA A Coordenadoria do Campus de Ribeirão Preto da USP comunica a liberação da vaga reservada às pessoas portadoras de deficiência no certame para a função de Secretário objeto do Edital CCRP/USP nº. 18/2009 de Abertura de Concurso Público no Diário Oficial do Estado de São Paulo de 12/09/2009, tendo em vista a inocorrência de inscrição de candidato(s) portador(es) de deficiência.

Este texto não substitui o publicado no D.O.E. de 07.11.2009.

Para consultar o edital acesse www.imesp.com.br/sb

%d blogueiros gostam disto: