Arquivo da tag: Inep

Resumo do webinar “A biblioteca universitária e os novos instrumentos de avaliação (MEC/INEP)”

Os novos instrumentos de avaliação do MEC para bibliotecas foram o tema do webinar apresentado pela bibliotecária e consultora Mirian Rocha.

Como a apresentação durou apenas 45 minutos, a palestrante abordou os aspectos relacionados ao acervo.

Confira o resumo do webinar! Continuar lendo

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em Eventos

Webinar "A biblioteca universitária e os novos instrumentos de avaliação (MEC/INEP)"

Olá! Tudo bem?

No dia 23/02 às 10h30Míriam Rocha ministrará o evento online gratuito “A biblioteca universitária e os novos instrumentos de avaliação (MEC/INEP)”!

Alterações significativas na legislação do ensino superior ocorreram no final de 2017, o que nos leva a refletir sobre uma mudança de paradigma. Nesse sentido, o webinar será direcionado para atualizar  você sobre processos de regulação do ensino superior e as bibliotecas universitárias, diante das mudanças contidas nos novos instrumentos de avaliação (MEC/INEP).

A apresentação, de 45 minutos, estará centrada nas alterações dos instrumentos (institucional e de cursos) e a relação com a aquisição do acervo + serviços  da biblioteca universitária

Míriam Rocha é formada em Biblioteconomia pela UNIRIO, consultora e assessora para avaliação de bibliotecas universitárias, com mais de 20 anos de experiência em “Avaliação de Bibliotecas Universitárias pelo MEC”, dentre outras funções.

QUERO ME INSCREVER GRATUITAMENTE
Fique atento à sua caixa de entrada e também ao SPAM, um novo e-mail será enviado com o link de acesso ao Webinar.

Fonte: recebido por e-mail na lista da Comissão Brasileira de Bibliotecas Universitárias (CBBU).

9 Comentários

Arquivado em Eventos

Webinar “A biblioteca universitária e os novos instrumentos de avaliação (MEC/INEP)”

Olá! Tudo bem?

No dia 23/02 às 10h30Míriam Rocha ministrará o evento online gratuito “A biblioteca universitária e os novos instrumentos de avaliação (MEC/INEP)”!

Alterações significativas na legislação do ensino superior ocorreram no final de 2017, o que nos leva a refletir sobre uma mudança de paradigma. Nesse sentido, o webinar será direcionado para atualizar  você sobre processos de regulação do ensino superior e as bibliotecas universitárias, diante das mudanças contidas nos novos instrumentos de avaliação (MEC/INEP).

A apresentação, de 45 minutos, estará centrada nas alterações dos instrumentos (institucional e de cursos) e a relação com a aquisição do acervo + serviços  da biblioteca universitária

Míriam Rocha é formada em Biblioteconomia pela UNIRIO, consultora e assessora para avaliação de bibliotecas universitárias, com mais de 20 anos de experiência em “Avaliação de Bibliotecas Universitárias pelo MEC”, dentre outras funções.

QUERO ME INSCREVER GRATUITAMENTE
Fique atento à sua caixa de entrada e também ao SPAM, um novo e-mail será enviado com o link de acesso ao Webinar.

Fonte: recebido por e-mail na lista da Comissão Brasileira de Bibliotecas Universitárias (CBBU).

9 Comentários

Arquivado em Eventos

Pesquisadores já têm acesso a informações protegidas do Inep

Assessoria de Comunicação
29-Set-2014

Consultores, professores e pesquisadores já podem pedir informações educacionais sobre a base de dados protegidos do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Antes, o acesso era restrito à base pública. Na segunda-feira, 22, portaria do Inep divulgou as normas exigidas para pedidos de consulta aos dados.

Para garantir transparência e segurança ao processo, exclusivamente para fins de pesquisa e de estudo, foi criado um ambiente seguro para a consulta. O espaço, na sede do Inep, em Brasília, permite aos pesquisadores o acesso a bancos de dados para pesquisas sobre censos e avaliações.

Para ter acesso a essas informações, especialistas e professores que trabalham na produção de pesquisas de interesse acadêmico, do instituto ou do Estado precisam estar formalmente autorizados. O pedido deve ser protocolado em formulário específico, com justificativa para o estudo. O objetivo desse procedimento é qualificar a permissão, respeitada a individualidade e a transparência dos dados.

Os servidores públicos que trabalham na produção de pesquisa terão acesso aos dados mediante autorização do presidente do Inep, Chico Soares, ou de servidor do instituto a quem seja delegado tal poder. As informações estarão disponíveis para pesquisa e análise em ambiente reservado, por tempo determinado. Quem for considerado apto a realizar pesquisas deve preencher termo de compromisso e manutenção de sigilo.

A Portaria do Inep nº 467/2014, que estabelece as normas de acesso a informações protegidas do instituto, foi publicada no Diário Oficial de União de segunda-feira, 22. No Brasil, o acesso a informações, previsto na Constituição Federal, obedece ao disposto na Lei nº 12.527, de 18 de novembro de 2011.

Mais informações:
Assessoria de Imprensa do Inep
Tel.: (61) 2022-3630
E-mail: imprensa@inep.gov.br

Disponível em: <http://www.saocarlos.usp.br/index.php?option=com_content&task=view&id=18155&Itemid=171>. Acesso em: 30 set. 2014.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Pesquisadores já têm acesso a informações protegidas do Inep

Assessoria de Comunicação
29-Set-2014

Consultores, professores e pesquisadores já podem pedir informações educacionais sobre a base de dados protegidos do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Antes, o acesso era restrito à base pública. Na segunda-feira, 22, portaria do Inep divulgou as normas exigidas para pedidos de consulta aos dados.

Para garantir transparência e segurança ao processo, exclusivamente para fins de pesquisa e de estudo, foi criado um ambiente seguro para a consulta. O espaço, na sede do Inep, em Brasília, permite aos pesquisadores o acesso a bancos de dados para pesquisas sobre censos e avaliações.

Para ter acesso a essas informações, especialistas e professores que trabalham na produção de pesquisas de interesse acadêmico, do instituto ou do Estado precisam estar formalmente autorizados. O pedido deve ser protocolado em formulário específico, com justificativa para o estudo. O objetivo desse procedimento é qualificar a permissão, respeitada a individualidade e a transparência dos dados.

Os servidores públicos que trabalham na produção de pesquisa terão acesso aos dados mediante autorização do presidente do Inep, Chico Soares, ou de servidor do instituto a quem seja delegado tal poder. As informações estarão disponíveis para pesquisa e análise em ambiente reservado, por tempo determinado. Quem for considerado apto a realizar pesquisas deve preencher termo de compromisso e manutenção de sigilo.

A Portaria do Inep nº 467/2014, que estabelece as normas de acesso a informações protegidas do instituto, foi publicada no Diário Oficial de União de segunda-feira, 22. No Brasil, o acesso a informações, previsto na Constituição Federal, obedece ao disposto na Lei nº 12.527, de 18 de novembro de 2011.

Mais informações:
Assessoria de Imprensa do Inep
Tel.: (61) 2022-3630
E-mail: imprensa@inep.gov.br

Disponível em: <http://www.saocarlos.usp.br/index.php?option=com_content&task=view&id=18155&Itemid=171>. Acesso em: 30 set. 2014.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias