Arquivo da tag: restauração

Senac oferece mais de 20 cursos on-line gratuitos

Destacamos o curso Conservação e Restauro de Livros.

***

Ação tem o objetivo de tornar o isolamento social mais produtivo

Cursos serão ministrados on-line. Crédito da foto: Divulgação

Para tornar o isolamento social devido a pandemia do novo coronavírus mais produtivo, o Senac São Paulo disponibiliza a partir desta semana 24 cursos on-line gratuitos, entre extensão universitária e cursos livres. A iniciativa, segundo a instituição, foi tomada para reforçar que a educação é um dos principais meios para o desenvolvimento da comunidade e que deve ser contínua, mesmo que em casa, considerando o cenário do país e seguindo as orientações dos órgãos de saúde.

Disponíveis no portal www.sp.senac.br, entre os cursos de extensão universitária, com carga horária que varia de 40 a 60 horas, estão Docência e Mediação Pedagógica Online, Elaboração de Materiais Didáticos com Recursos Tecnológicos, Gestão das Potencialidades Humanas e Avaliação de Desempenho, Primeiros Passos para Empreender, entre outros.

Os cursos livres, de acordo com o Senac São Paulo, atendem a necessidades variadas, tais como liderança, finanças, imagem pessoal, nutrição, neurociência. As vagas são limitadas e as inscrições devem ser feitas diretamente pelo site www.sp.senac.br.

Confira a lista completa de cursos:

  • Cursos de Extensão Universitária

Docência e Mediação Pedagógica Online

Elaboração de Materiais Didáticos com Recursos Tecnológicos

Estratégias de Negociação Internacional

Gestão das Potencialidades Humanas e Avaliação de Desempenho

Logística Internacional e Operações Globais

Planejamento Estratégico Orientado ao Setor Público

Primeiros Passos para Empreender

Produção de Conteúdos para EAD

Supply Chain Management

  • Cursos Livres

As 5 Dimensões da Autoliderança

Autoliderança na construção da imagem profissional

Caminhos para Liberdade Financeira

Como dar Feedbacks?

Como Pedir e Receber Feedbacks?

Cultura de Paz

Estilo e Imagem Pessoal – feminino

Estilo e Imagem Pessoal – masculino

Gestão do Tempo

Neurociências das emoções

Nutrição e Diabetes

Redação Corporativa no Dia a Dia

Reforma da Previdência

Restauro e Conservação de Acervo Bibliográfico

Inclusão de Pessoas com Deficiência

Disponível em: https://www.jornalcruzeiro.com.br/sorocaba/senac-oferece-mais-de-20-cursos-on-line-gratuitos/. Acesso em: 21 mar. 2020.

Deixe um comentário

Arquivado em Curso

No Japão, biblioteca restaura o que foi perdido no tsunami

Brasil Post – 12/03/2015

A cidade de Rikuzentaka no leste do Japão foi devastada pelo terremoto e tsunami que assolaram a região no dia 11 de março de 2011. Entre as vítimas do desastre natural estavam os sete funcionários da Biblioteca Pública de Rikuzentaka — juntamente com 80.000 livros que estavam sob os seus cuidados.

Logo após o desastre, o cuidado com os mortos e feridos era prioridade, obviamente. Mas nos anos subsequentes, começaram os esforços no sentido de restaurar a amada biblioteca da cidade.

A Biblioteca Metropolitana Chuo de Tóquio (Minato), a única biblioteca pública do país com um departamento dedicado à restauração de livros, vem trabalhando na restauração de materiais do acervo local da Biblioteca Pública de Rikuzentaka desde 2013. Cinquenta e um itens restaurados serão devolvidos à cidade no dia 20 de março.

Até lá, ficarão expostos como parte de uma exposição na Biblioteca Metropolitana Chuo de Tóquio chamada de “Tesouros Locais Renascem Após o Grande Tsunami: a Restauração de Materiais do Acervo Local da Biblioteca Pública de Rikuzentakata”. Quem visita a exposição, aberta até o dia 11 de março, pode ver o andamento da restauração, além de alguns dos livros que estão sendo restaurados.

A exposição exibe fotos que registram o ano após o tsunami. A exposição de fotos contém imagens do resgate de materiais do acervo local encontrado em uma pilha de livros da biblioteca que foram resgatados de uma garagem onde haviam sido jogados. As fotos também mostram a sujeira e lama do tsunami antes de serem removidas. Há também uma série de paineis que explicam o processo de restauração usado pela Biblioteca Metropolitana. A exposição inclui as ferramentas atuais usadas e os próprios livros restaurados.

Disponível em: <http://www.blogdogaleno.com.br/2015/03/13/no-japao-biblioteca-restaura-o-que-foi-perdido-no-tsunami>. Acesso em: 21 mar. 2015.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Biblioteca do Centro de Referência do Trabalhador Leonel Brizola começa restauração de livros raros

a primeira parte do acervo que passa por restauração. Inicialmente estão
sendo recuperados 54 exemplares.

Brasília, 01/03/2012 – Parte do acervo da biblioteca do Centro de Referência
do Trabalhador Leonel Brizola foi restaurada e retorna para consulta dos
visitantes. São 54 títulos que foram restaurados, higienizados e
reencapados. Os livros pertenciam à biblioteca pessoal de Lindolfo Collor
doado ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Essa é a primeira parte do
acervo que está sendo restaurada. Segundo o chefe do Centro de Referência
Leonel Brizola, Ricardo São José Carneiro, “o centro quer restaurar todos os
exemplares. São títulos raros que os pesquisadores podem encontrar aqui.”

A biblioteca possui mais de dois mil títulos em português, inglês, espanhol,
francês e italiano. Dos livros restaurados, destaque para o Il Diritto Del
Lavoro de 1937. O livro inspirou a criação da Carta de Lavoro na Itália e
deu subsídios para a construção da Consolidação das Leis Trabalho (CLT) no
Brasil. O acervo possui aproximadamente 300 livros antigos e 1.200 atuais
que tratam de assuntos diversos como história geral, do Brasil e do
trabalho, cultura, política e economia.

Além da biblioteca, o Centro de Referência possui uma videoteca com 178
títulos. São filmes e documentários da história do Brasil, temática do
trabalho e questões sociais. Mais de 100 títulos abordam exclusivamente a
segurança e saúde do trabalhador. “É possível encontrar filmes que abordam a
temática do trabalho de diferentes formas, como o clássico O Grande Ditador
de Charles Chaplin, o filme Peões que aborda o movimento operário do ABC
Paulista e o mais recente “O Diabo Veste Prada”, afirma Ricardo Carneiro.

O Centro de Referência do Trabalhador Leonel Brizola está localizado no
Setor de Indústrias e Abastecimento (SIA), em Brasília. As instalações são
multifuncionais e estão disponíveis ao público, salas de estudos, biblioteca
e sala informatizada para consulta à internet. Em 2011, o centro recebeu a
visita de estudantes, trabalhadores, representantes de instituições públicas
e privadas, interessadas em realizar parcerias e de servidores do MTE que
participam de atividades de capacitação e treinamento.

Mais informações sobre o Centro de Referencia do Trabalhador em
http://portal.mte.gov.br/institucional/centro-de-referencia/

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Programa de Preservação de Acervos 2010 – BNDES

Já estão abertas as inscrições para o Programa de Preservação de Acervos – 2010. O objetivo é selecionar projetos candidatos a obter colaboração financeira não reembolsável para a preservação de acervos arquivísticos, bibliográficos e museológicos, nas categorias definidas pela chamada pública. O prazo de inscrição se encerra em 3 de setembro de 2010.

O apoio, efetivado na forma de recursos não reembolsáveis, se destina  a projetos que tenham como finalidade uma ou mais das seguintes ações:

  • catalogação;
  • higienização e acondicionamento;
  • restauração;
  • gerenciamento ambiental;
  • instalação de sistemas de segurança;
  • infraestrutura; e
  • visitação.

O valor total do programa será de até R$ 24 milhões, considerada a periodicidade bienal.

Para ampliar as possibilidades de apoio a investimentos de escopo mais abrangente, o Programa vai admitir duas modalidades de projeto:

  • Individual, com foco em um único acervo; e
  • Âncora, que pode buscar replicar o apoio em diversos pontos de uma rede de ação ou em acervos independentes, aglutinados por algum elemento comum (temática; geográfico; necessidade de ações comuns de preservação).

Cada proponente poderá apresentar somente um projeto em cada modalidade. O valor da colaboração financeira por operação observará os limites máximos de R$ 1 milhão para Projeto Individual e de R$ 5 milhões para Projeto Âncora.

O BNDES constituirá uma Comissão de Seleção para avaliar o mérito e a prioridade dos projetos inscritos, estabelecendo duas listas de classificados, por modalidade. As listas de cadastro de reserva terão validade de 24 meses a partir da data de sua divulgação. O número de projetos classificados por modalidade será definido pela Comissão de Seleção, que será formada por:

  • até três especialistas contratados;
  • um indicado pelo Ministério da Cultura; e
  • até três representantes do BNDES.

Disponível em: <http://www.bndes.gov.br/SiteBNDES/bndes/bndes_pt/Areas_de_Atuacao/Cultura/Acervos/Chamada_Publica_2010>. Acesso em: 5 jul. 2010.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias